AFRONTA: CARLOS EDUARDO É HOMENAGEADO EM SESSÃO QUE RELEMBRA TRAJETÓRIA DE WILMA




Nunca foi segredo para ninguém, novato ou não na política, que o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves só conseguiu "ser gente" no xadrez político graças à ex-prefeita e ex-governadora Wilma de Faria.

No ninho da família Alves, Carlos Eduardo não teria oportunidade de sair da Assembleia Legislativa.  Foi rompendo com a família, que ele por várias vezes renegou, que Carlos Eduardo foi alçado ao cargo de vice e depois de prefeito de Natal.

Hoje, a Câmara Municipal de Natal faz uma justa homenagem à memória da maior líder política que o Rio Grande do Norte já conheceu. Wilma foi guerreira em tudo. Nunca coube à ex-prefeita e ex-governadora o papel de uma mulher e/ou política controlada pelo marido, algo extremamente comum em nosso cenário até hoje. 

Voltando a Carlos Eduardo...

A confiança que sempre recebeu de Wilma foi devolvida com muita frieza e ingratidão. Quem não lembra da demissão de Marilene Rodrigues Dantas da SEMSUR ?

Quem não lembra da campanha de 2012, que humildemente Wilma aceitou ser candidata a vice-prefeita em uma disputa acirrada entre Carlos e Hermano Morais, que à época era seu inimigo e hoje são irmão?

Na reeleição de 2016, Carlos Eduardo expulsou Wilma da chapa, mesmo sabendo da sua saúde fragilizada.  

Esses são casos públicos, mas quem conviveu com Wilma como eu convivi, sabe que as decepções são bem maiores. 

O autor da sessão solene desta quarta-feira, vereador  Ary Gomes, tem total legitimidade de escolher quem quer que seja para receber homenagem no parlamento Municipal. Ary, até na ânsia de agradar seu líder Carlos Eduardo, a quem deve o mandato de vereador, feriu a memória de Wilma de Faria. 

O único ponto positivo nesta quarta-feira foi a decisão de reconhecer o trabalho de valorosos nomes que por vários anos acompanharam a guerreira Wilma, da equipe de rua à assessoria pessoal, todos apareceram. 


Postar um comentário

0 Comentários